2019/2020

De "Vale dos esquecidos", região do Araguaia se transforma em polo da economia regional

A A

 

Composta por 25 municípios no Nordeste de Mato Grosso, a região do Vale do Araguaia que carregou durante anos a pecha de “Vale dos Esquecidos”  está vivendo uma nova realidade,//

Desde 2019, o Governo de Mato Grosso vem concentrando investimentos vultuosos em obras de infraestrutura e demais áreas essenciais na região, que garantem estímulo à economia e melhoria da qualidade de vida da população local.//

Trabalho reconhecido pela população e pelos prefeitos dos municípios da região. O prefeito de Paranatinga, Marquinhos do Dedé, agradeceu a atenção finalmente recebida do Estado.

Sonora Marquinhos do  Dedé

Dezenas de obras estruturantes já foram concluídas e a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra),  segue em processo acelerado para a finalização da pavimentação de rodovias e construção e reforma de pontes. //

MTs como a 110, 415, 270, 260, 020, 326 e 251 que estavam em péssimo estado de conservação,  finalmente vêm assumindo de fato sua função de corredor de exportação.//

E para quem utiliza as estradas com frequência, os benefícios são inúmeros, como explica o motorista Édson Santulin.

Sonora Édson Santulin

O Governo também concluiu as pontes localizadas na MT-110, sobre o Rio Batovi no município de Tesouro, e sobre o Córrego Onça.//

Segundo o motorista Osnir Ramiro, a obra trará mais segurança e economia para os usuários.

Sonora Osnir Ramiro

Além das obras concluídas, outras estão em andamento na região, como a pavimentação de 76 quilômetros da MT-326; de um trecho da MT-110,  em Novo São Joaquim.

E tem mais obras vindo por aí.

Governo do Estado já emitiu ordem de serviço para o início das obras de pavimentação da MT-020, que vai interligar definitivamente os municípios de Paranatinga e Canarana por via asfaltada. Além da pavimentação, serão executadas obras de restauração da rodovia.//

Com a conclusão desse asfalto, será possível realizar o escoamento da produção agropecuária da BR-158 até a BR-070, utilizando-se da MT-020, em direção ao Terminal Ferroviário de Rondonópolis. Essa rodovia vai encurtar quase 200 quilômetros do caminho do cidadão que mora na região do Médio Araguaia.

Além disso, estão em construção na MT-326 seis pontes de concreto sobre o Rio das Mortes e os rios Borecaia e vazante, Corixinho, Corixão, Água Preta e Água Suja. A ponte sobre o Rio das Mortes é a maior já construída em Mato Grosso, com 483 metros de extensão.

O então prefeito de Água boa,  Mauro Rosa da Silva, o Maurão, agradeceu a atenção e a presença do governo que realiza obras e garante o desenvolvimento local.

Sonora Mauro Rosa da Silva

Os investimentos chegaram também para a área da saúde pública do Araguaia. Nesta atual gestão, cerca de R$ 60 milhões em recursos foram repassados para os municípios da região.

Dinheiro empregado na Atenção Primária, Programa de Apoio ao Desenvolvimento e Implementação dos Consórcios Intermunicipais de Saúde, Regionalização, Farmácia Básica e diabetes, Serviço Municipal de Vigilância Sanitária, Hanseníase, Leitos de UTI, Média e Alta Complexidade, UPA 24h, Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade e Leitos de UTI Covid-19.

O Estado também garantiu a abertura de 10 leitos de UTI nas cidades de Água Boa e 5 em Barra do Garças, além do envio de milhares de medicamentos incluídos no kit-Covid

O Estado também está consertando a Educação no Araguaia com a reconstrução  da  EE Coronel Vanique, em Nova Xavantina, e a EE 31 de março, em Canarana.

A coordenadora pedagógica de Canarana, Silvia de Moura Faitão revelou que a obra, significa uma nova era para a educação no município.//

Silvia de Moura Faitão

Com olhar especial para as questões sociais, o Governo de Mato Grosso, por meio da Setasc remanejou 2 milhões e 200 mil reais para atender as pessoas que foram mais atingidas pela crise provocada pela pandemia.

As ações foram realizadas por meio dos programas  ‘Vem Ser Mais Solidário’ e ‘Aconchego’ liderados pela primeira-dama Virgínia Mendes e atenderam diversos municípios, como Confresa que recebeu cobertores e 1 mil cestas básicas,  além de comunidades indígenas de Campinápolis, Primavera do Leste e Barra do Garças.


Fonte: Por Rádio Paiaguás
Imprimir