HONRANDO COMPROMISSO

Governo paga verbas rescisórias de aposentados e pensionistas

Quinta-feira, 08 de outubro de 2020 | Publicado às 15h59

Passivos decorrentes de processos administrativos somam mais de 45 milhões e servidores aguardam há vários anos para receber

A A

O Governo do Estado de Mato Grosso fará a quitação de valores referentes às verbas rescisórias de aposentados e pensionistas do Poder Executivo que aguardam o recebimento de seus direitos há cerca de seis anos. O pagamento de cerca de mil servidores que se encontram nesta situação totaliza mais de R$ 45 milhões e será feitos de forma parcelada.

De acordo com o governador Mauro Mendes, o Governo está quitando direitos trabalhistas que não foram honrados em gestões anteriores e pagará todos os aposentados e pensionistas que durante todos esses anos estão aguardando para receber.

“Pagaremos todos que aguardam por anos para receber do Estado. Vários servidores se aposentaram há mais de seis anos e até hoje não receberam suas verbas rescisórias. Esse é mais um direito que estamos assegurando”.

Esta quitação será possível devido ao reequilíbrio das contas públicas alcançado após um trabalho árduo de gestão feito por toda equipe de governo.

Segundo o Secretário de Planejamento e Gestão, Basílio Bezerra, a quitação desses valores será tratada com prioridade pela pasta. “A pedido do governador, estamos trabalhando para começarmos a pagar os direitos adquiridos desses servidores inativos o mais rápido possível. Eles só precisam apresentar os documentos necessários para que os pagamentos comecem a ser feitos”.  

Procedimentos para receber

Os aposentados e pensionistas que têm verbas rescisórias para receber do Estado deverão juntar ao processo administrativo declaração que estará disponível no site da Seplag e certidões do Tribunal de Justiça de primeira e segunda instâncias, emitidas de forma física ou eletrônica, dentro do prazo de validade, demostrando que não têm ações contra o Estado de Mato Grosso com este mesmo objeto.

Caso ele possua ações contra o Estado, ele deverá apresentar certidão de inteiro teor do processo para comprovar que o mesmo não se refere ao direito pleiteado administrativamente.  

Além disso, servidores da Superintendência da Folha de Pagamento da Seplag entrarão em contato com os aposentados e pensionistas que têm processos administrativos pleiteando o direito para informá-los dos procedimentos a serem adotados.

Mais informações pelo telefone 08006473633 ou pelo email: coordenadoriaderegularidadefiscal@seplag.mt.gov.br

Para ter acesso à lista de documentos necessários clique aqui .

 


Fonte: D`Laila Borges/Seplag
Imprimir